Carga Rápida: Jaguar D-Type

Posted Posted by Pipe in , Comments 5 comentários



Bom, o pessoal deve estar estranhando que o blog está meio parado nos últimos dias, e está mesmo. Algumas outras coisas tomaram meu tempo nesse feriado (em especial a série Band of Brothers sobre a 2ª Guerra Mundial que um amigo me emprestou, muito boa, recomendo a quem curte filmes de guerra). Enfim, não pude postar o que gostaria, mas as mudanças no visual do blog acho que acabaram por enquanto, vi que algumas pessoas gostaram e elogiaram e fiquei satisfeito porque demorou um pouco pra escolher como seria e implementar aqui.

Mas continuando com o assunto que traz todos aqui, essa é uma bela imagem da série Carga Rápida, não lembro se alguém me mandou ou se achei na internet, mas é só se acusar que eu dou os créditos. São dois lindos Jaguar D-Type sendo descarregados para participar de algum evento lá pelos anos 50, ótima imagem de um dos mais incríveis carros da marca. Nesse post tem um pouco mais da história do carro.

*Atualizado
O amigo Leandro Castro (blog Fórmula Total) me ajudou a recordar onde peguei a foto, e foi em um post que ele fez sobre a história da marca em Le Mans. Um ótimo post por sinal, que pode ser encontrado nesse link.

A foto se passa em 1957, e os carros estão sendo descarregados pela equipe Ecurie Ecosse, que conquistou uma dobradinha nas 24H de LeMans com eles.

5 comentários:

interdomin disse...

Band of brothers me gustó muchísimo. Si te gustan las miniseries de guerra te recomiendo "The Pacific" y "Generation kill".

Pipe disse...

Hola Interdomin,
Gostei muito mesmo de Band of Brothers, e até comprei a série.
The Pacific estou vendo na HBO, ontem deu o terceiro episódio. Parece legal, vamos ver os próximos episódios como serão.
E esse Generations Kill não conhecia, vou procurar pra ver, valeu pela dica.
Saludos.

Anônimo disse...

Alô, Pipe:
A Jaguar fez do seu D-Type um dos grandes carros da década de 50. De 55 a 57 foi imbatível em Le Mans, e venceu também em 1951 (com o Jaguar XK120C) e 1953 (Jaguar C-Type). Como já relataste, o grande ano da Equipe do Gato foi 57, quando venceu em Le Mans e conquistou outras quatro posições entre os seis primeiros. O ano mais amargo, sem dúvida 1955, devido a grande tragédia, a maior ocorrida numa prova automobilística, quando um Mercedes Benz voou sobre o público, matando seu piloto (Pierre Levegh) e cerca de oitenta torcedores.
Caranguejo

Fórmula Total disse...

Fui eu!!!

Mais sobre a história do carrinho no blog. Procure na série especial sobre o aniversário da Jaguar.

Abraços
Leandro Castro

obs.: o PC tá ficando o bicho! Os problemas serão resolvidos mais rápido do que eu pensava.

Pipe disse...

Fala Caranguejo,
Muito bem observado. Como um exímio conhecedor de automobilismo, você mais uma vez acrescentou ótimas informações. Ainda preciso falar desses C-Type aqui, outros belos modelo da marca.
Essa tragédia foi impressionante mesmo, e inacreditável, uma pena para o esporte, bom que as tecnologias evoluíram e hoje em dia seria muito difícil de acontecer algo parecido.
Abraço.

---------------------------------

Fala Leandro, valeu pela lembrança cara, já atualizei no post. Minha memória anda meio ruim mesmo, mas quando vi seu post lá também lembrei na hora.

Boa sorte com o novo PC cara, para que vc possa voltar logo a ativa.

Abraço.