Nas Entranhas: Maserati 250F

Posted Posted by Pipe in , , , Comments 5 comentários



Essa foi presente do Rui, uma imagem para analisarmos os detalhes da Maserati 250F com que Fangio foi campeão em 1957, seu quinto título na F1. Destaque para o imponente motor 6 cilindros em linha 2.5L de 270HP. Outras informações e fotos dessa máquina podem ser encontradas nesse post do Rui no seu blog Histórias que Vivemos.

*Atualizado
Mais uma ótima contribuição do Caranguejo. Na década de 50 o Maserati 250F passou pelas mãos de quase todos os grandes pilotos da época, nomes como Fangio, Ascari, Stirling Moss, Jack Brabham, Carrol Shelby e vários outros guiaram esse carro em algum momento de suas carreiras, e até o brasileiro Chico Landi.

5 comentários:

Rui Amaral Lemos Jr disse...

Valeu Pipe! Com esse carro Fangio venceu o incrível GP da Alemanha 1957, dando um show e sagrando-se pela quinta vez Campeão do Mundo.

Um abraço

Rui

Anônimo disse...

E para complementar, Pipe e Rui, a curiosidade de que na década de 50, o 250F passou pelas mãos de praticamente todos os pilotos de renome na época. Vejamos: J.M.Fangio, Alberto Ascari, Onofre Marimon, Gigi Villoresi, Stirling Moss, Príncipe Bira, Harry Schell, Jean Behra, Louis Rosier, Luigo Musso, Peter Collins, Froilan Gonzalez, Jack Brabham, Jo Bonnier, Masten Gregory, Phil Hill e Carroll Shelby.
Todos em algum momento de suas carreiras, domaram o carro da marca do tridente, até Maria Teresa de Fillipis, além do brasileiro Chico Landi.
Caranguejo

Pipe disse...

Fala Rui,
Obrigado a você pela imagem e pelas correções, rs. Lindo carro.
Abraço.

----------------------

Fala Caranguejo, ótima complementação, valeu mesmo. Interessante saber que tanta gente conhecida (e boa) guiou essa máquina, devia ser excelente o carro mesmo.
Abraço.

Anônimo disse...

Às ordens, Pipe.
Mas anote aí: década de 50. Oficialmente, a "baratona" competiu de 54 a 59 (confirmação com tio Rui). Acho que posteriormente, passou a equipar o Cooper F1.
Caranguejo

Pipe disse...

Fala Caranguejo,
Valeu pela correção, eu escrevi errado lá e nem tinha notado.
Abraço.